Janelas


  O texto abaixo faz parte do projeto PH Poem A Day, do blog Central da Leitura.
Para ler clique em mais informações, abaixo, caso não esteja vendo o texto.

Mais um dia depressivo com o qual não sei como lidar. Mais um dia curto, morto mas cheio de vida.
Lá fora, o sol brilha, o vento corre e uma nuvem intercepta, vez ou outra, a luz dourada que banhava a cidade.
Minha janela pede socorro. Há quanto tempo está fechada e escondida pela cortina que me separa do mundo no qual não quero viver? Ela me grita, com aqueles vidros fechados. Eu impus isso a ela, essa vida monótona e sem cor. Tudo o que ela quer é liberdade.
Ah, mas o que eu estou dizendo? É apenas uma janela.
Mas ela já está trancada há tanto tempo...
Tomo coragem — coragem que há anos não sabia mais o que significava — e, com passos trêmulos, caminho até ela.
A cortina é pesada e escura, coberta por uma camada de poeira. Foi feita para me deixar longe de tudo, e longe de tudo eu permaneço desde então. O que encontrarei caso abra essas janelas?
Já faz tanto tempo que nem me lembro mais o que encontrarei lá fora.
Será que haverá pássaros cantando ou abelhas zumbindo? Insetos voando por enormes campos de flores? Libélulas beijando as águas de um lago?
Ou será que encontrarei guerra, fome e desolação?
Estico as mãos para as cortinas, e as pontas dos meus dedos roçam no tecido escuro e áspero. Vacilo mais uma vez. Não sei se estou pronta para o que me aguarda lá fora. Dou um passo para trás.
Hoje não. Quem sabe amanhã, talvez? Mas hoje não. Ainda não estou pronta.

2 comentários:

  1. encontraria de tudo um pouco. Ainda há beleza do lado de fora, mas tantas pessoas não tem coragem de vê- la, nem de lutar por ela, que acaba passando despercebida!
    Bjs da Lê
    http://leversosecontroversias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha. Amei a resposta. <3
      Muito obrigada por deixar o comentário.
      :D

      Excluir

Deixe a sua opinião! Ela é muito importante para mim.

© Giulia F Ferreira - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Giulia F Ferreira. Tecnologia do Blogger.