Sabiá

Hey, seres humanos e não-humanos que visitam o meu blog sempre!
Aqui estamos diante de mais um post de segundas-feiras, quando eu trago textinhos meus para vocês. Preparados?
O tema de hoje é meio obvio, não? Haha. Para ler, é só clicar em mais informações.

Certo dia, sabiá saiu pra passear com sábio sabiá.
Sábio sabiá que sabia, sábio sabiá que sabia.
E sabiá não sabia o que sabia sábio sabiá
Que sabiá era sábio por não saber o que sabia sábio sabiá.
Sábio sabiá que sem saber soube ser sabiá,
sem sábio ser.

Sabiá, assim como sábio sabiá, sabia que queria saber.
Sábio sabiá sabia, que sabiá não saberia saber
Porque pra sábio ser, sabiá tem que não saber.
Só não sabendo, sábio poderia ser sabiá que não sábio era.
E só sábio sabiá sabia que sabiá não saberia saber
porque sabia que pra saber, precisava não saber.

E sabiá não sabia,
porque sabia,
o que sábio sábia só soube
quando não soube mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião! Ela é muito importante para mim.

© Giulia F Ferreira - 2016. Todos os direitos reservados. Criado por: Giulia F Ferreira. Tecnologia do Blogger.